XaaS e EaaS – a tendência de entregar tudo como serviço

13/02/19
4 min de leitura

A computação em nuvem revolucionou o mercado, viabilizando um novo modelo de negócios em que praticamente tudo o que antes era vendido como produto passa a ser oferecido como serviço. Nesse sentido, além do SaaS (que você provavelmente já conhece), vêm ganhando força as ideias de XaaS e EaaS

Você pode até pensar, a princípio, que essas siglas parecem grego. Mas, na verdade, muito provavelmente você já utiliza esses conceitos em sua empresa e ainda não se deu conta. 

Neste post, vamos falar sobre os conceitos de XaaS e EaaS e explicar melhor essa tendência. Vem com a gente!

Relembrando o conceito de SaaS

Antes de entrar de vez no assunto do post, é importante relembrar o conceito de SaaS, ou software as a service. Trata-se de, literalmente, oferecer softwares como serviços para melhorar a eficiência e reduzir custos. Na prática, é como o sistema fosse “alugado” e pago mensalmente, ao invés de adquirido de uma só vez. 

Os programas são oferecidos em um modelo de assinatura e operam na nuvem ao invés de serem instalados em um servidor interno. As vantagens são muitas: primeiro, não é necessário investir fortunas no pagamento de licenças, já que é possível contratar apenas as funcionalidades necessárias. Além disso, trata-se de um modelo muito mais prático e acessível, já que o SaaS pode ser operado a partir de qualquer dispositivo com acesso à internet. Já falamos sobre todas as vantagens do SaaS aqui no blog, clique aqui para ler a postagem

Com a popularização dos SaaS, o mercado de TI tratou de ir mais a fundo na tendência e, assim, surgiram o conceito de EaaS (Everything as a service, ou, literalmente, “tudo como serviço”) e XaaS, em que o X da sigla representa uma variável que pode ser substituída pela inicial daquilo que está sendo oferecido como serviço. A seguir, vamos entender como isso funciona. 

XaaS e EaaS: entregando tudo como serviço

Essas siglas sintetizam a tendência mundial de transformar produtos de qualquer natureza em serviços que podem ser oferecidos de maneira personalizada e sob medida para cada cliente, valorizando o relacionamento, o suporte técnico e as atualizações/modernizações constantes. 

Com a evolução da computação em nuvem, as empresas começaram a depender cada vez menos de infraestruturas e equipes de TI internas, e a contratar serviços por demanda. Hoje, já é possível fazer uso de softwares, de infraestrutura e de plataformas inteiras na nuvem. Todos os elementos de uma empresa podem ser virtuais, eliminando a necessidade de uma estrutura física local. 

Na prática, é possível resumir os conceitos de XaaS e EaaS como um imenso guarda-chuva que abriga uma série de tecnologias que, no passado, precisavam ser trabalhadas internamente e que atualmente podem ser contratadas por meio de assinaturas, de acordo com a demanda, sendo acessadas online a qualquer momento, de qualquer lugar. 

As vantagens da tendência XaaS/EaaS

A ideia de contratar tudo como serviço é vantajosa para as empresas que a adotam, já que a infraestrutura compartilhada permite tornar os processos mais eficientes e produtivos e, ainda por cima, ajuda a reduzir custos, já que diminuem a demanda de investimento em equipamentos caros, em mão de obra especializada ou licenças de alto valor, que podem muitas vezes incluir mais do que a empresa de fato precisa. É mais prático e barato contratar um pacote personalizado de acordo com suas demandas específicas e pagar apenas pelo que vai usar. 

A oferta de serviços por demanda permite que as empresas consigam escalar de maneira rápida e intuitiva, o que garante maior controle e faz com que até mesmo empresas menores consigam ter acesso às melhores tecnologias do mercado, ganhando um diferencial. 

Além disso, a mobilidade também se mostra como um grande benefício. Como é possível contratar uma matriz completa de serviços virtualizados, já é viável que uma organização opere 100% na nuvem. Dessa maneira, ela literalmente estará em todos os lugares, com profissionais trabalhando remotamente e de maneira colaborativa.  

Essa tendência representa uma verdadeira revolução estratégica e operacional, que tem tudo para mudar completamente as estruturas dos negócios daqui para a frente. Ao longo dos últimos anos, a computação em nuvem evoluiu e se desenvolveu muito, reformulando as arquiteturas corporativas profundamente e garantindo mais agilidade, flexibilidade e eficiência para a gestão empresarial. 

O futuro

Com a globalização, o aumento do nível de exigência dos consumidores e a concorrência cada vez mais acirrada, o mundo corporativo está mudando rapidamente, e a tecnologia precisa acompanhar esse ritmo. Nesse sentido, é fundamental focar em novos modelos de entrega, que estejam perfeitamente alinhados com as necessidades dos clientes.

É justamente essa transformação que cria o terreno para uma nova lógica em que tudo possa se tornar um serviço, e a expectativa é que nos próximos anos os conceitos de EaaS e XaaS sigam se modernizando e transformando de maneira ainda mais profunda os modelos de negócios existentes e o comportamento dos consumidores de tecnologia. Isso porque eles permitem oferecer serviços globais que podem ser aproveitados para além dos limites das empresas, se integrando a outros sistemas e tornando a gestão cada vez mais dinâmica. 

Como você pode perceber, dentro do guarda-chuva de “como serviço” há uma infinita possibilidade de inovação, e as empresas que embarcarem nessa onda têm muito a ganhar no futuro. Você está preparado para essa nova era?