Tendências do empreendedorismo para 2019

27/02/19
4 min de leitura

Empreender é um dos verbos mais em alta dos últimos tempos. A arte de ter ideias inovadoras, identificando e criando novas oportunidades de mercado, nunca esteve tão em voga, e já é possível apontar algumas tendências para este ano. 

Quer saber quais são as principais tendências de empreendedorismo para 2019? Então é só continuar lendo este post! 

Infraestrutura de blockchain

O sucesso dos bitcoins proporcionou a criação de várias tecnologias que dão apoio e segurança às operações com criptomoedas, como o blockchain. Trata-se de uma tecnologia que visa à descentralização para tornar as transações mais seguras e funciona como uma espécie de “prova” de cada ação realizada.

Por garantir a integridade e a cibersegurança em pagamentos feitos por criptomoedas, a tendência é que o blockchain continue ganhando cada vez mais espaço.

Coworking

O home-office está crescendo cada vez mais, e já está até regulamentado pelas novas leis trabalhistas.  Não tem jeito: o trabalho remoto é o futuro e, nesse contexto, crescem também os espaços de coworking. Tratam-se de escritórios compartilhados que pode ser utilizados tanto por freelancers como também por startups. 

Já falamos sobre o avanço do coworking e sua influência no novo modelo de negócios anteriormente, e vale a leitura se você quiser entender mais sobre o assunto. 

Economia compartilhada

O sucesso de empresas como Uber e Airbnb nos provam que os negócios relacionados à economia compartilhada estão em ascensão, e ainda têm muito a se expandir. Por isso, quem pretende empreender em 2019 pode começar a pensar em um modelo de negócio nessa área e aproveitar o vasto potencial! 

Desenvolvimento de apps

Os smartphones se tornaram praticamente uma extensão da vida das pessoas, e quase tudo já pode ser feito por meio de dispositivos móveis. Por essa razão, o desenvolvimento de aplicativos com foco em soluções práticas continua sendo uma área frutífera para se investir. 

Franquias

A grande vantagem das franquias é que elas são negócios já testados e aprovados pelos consumidores, portanto, em tese, são empreendimentos com mais chances de dar certo. Alguns segmentos, como o de alimentação e de serviços inovadores, nunca deixam de trazer resultados. 

Impressões 3D

O campo das impressões em terceira dimensão é extremamente vasto e flexível, já que é possível imprimir desde objetos mais simples, como bijuterias e enfeites, até os mais complexos, como móveis, acessórios e até casas. Ou seja, há muito mercado para se explorar, e várias oportunidades de inovar e oferecer soluções inéditas e criativas.

Infoprodutos

Um infoproduto pode ser praticamente qualquer tipo de solução digital, como e-books, videoaulas, palestras e cursos. Existe muita demanda para produtos digitais no mercado, e, além de serem um empreendimento versátil, é possível iniciar o negócio com um investimento baixíssimo. Muitas vezes, basta um computador com acesso à internet. 

Realidade virtual

Tudo leva a crer que a realidade virtual terá uma participação muito mais ativa em 2019, pois diversos setores da economia podem se beneficiar de seus avanços.

O desenvolvimento de novas tecnologias facilitou o acesso aos recursos de imersão e, hoje, televisões, óculos e outros aparelhos eletrônicos já podem ser utilizados para aproveitar a experiência. Trata-se de um setor que fervilha com novas possibilidades, e há um grande campo ainda por explorar. 

SaaS, ou Software como Serviço

A tendência dos SaaS surgiu com força nos últimos tempos, e deve continuar se expandindo em 2019. Esse sistema se baseia no formato de assinaturas e dá atenção especial à experiência do cliente que contrata os serviços. Hoje, é considerado o futuro da prestação de serviços, por ser uma alternativa mais barata, prática e moderna à compra de licenças de software. 

 

Dicas para empreender em 2019

Independentemente do segmento em que se pretenda atuar, é imprescindível que o empreendedor tome algumas medidas importantes antes de se lançar à nova ideia.

É necessário, por exemplo, realizar um amplo estudo do mercado em que se planeje ingressar; elaborar um plano de negócios minucioso e bem-desenvolvido; criar e fortalecer o networking, buscando parceiros de negócios; e estudar os meios mais adequados para a divulgação do novo empreendimento.

Também é importante conduzir um estudo de viabilidade para garantir que haverá capacidade financeira para tirar a ideia do papel e assegurar que existe demanda para o novo negócio, além, é claro, de realizar pequenos testes antes de se lançar oficialmente no mercado.

Nadar nas águas tortuosas do empreendedorismo é sempre uma aventura imprevisível mas, tomando essas precauções, as chances de se obter êxito aumentam muito!

E então, o que você achou das tendências do empreendedorismo para 2019 que apresentamos neste post?