O papel do DRE projetado no planejamento da empresa

Provavelmente o Demonstrativo do Resultado do Exercício (DRE) não é desconhecido para você, sobretudo se você atua na área financeira. Esse demonstrativo sintetiza os resultados obtidos pela empresa dentro de determinado período, e é muito eficiente para melhorar a gestão empresarial.

Para resumir, a função do DRE é indicar se o negócio está gerando lucro. O relatório organiza todas as informações referentes às receitas, aos custos e às despesas da empresa, e mostra o resultado total do modo mais objetivo possível. 

O que muitos desconhecem é que, além de medir o que já foi realizado, esse relatório também pode ser empregado para fazer uma projeção de resultados. Essa é a ideia do DRE Projetado!

Como todo empresário e gestor corporativo sabe, a previsibilidade é uma grande aliada para uma gestão financeira eficiente. Realizar a projeção de cenários diminui as incertezas que cercam o negócio, viabiliza o cumprimento das metas estabelecidas e facilita o processo de tomada de decisões. E o DRE projetado ajuda a garantir esses benefícios.

Quando projetado, o Demonstrativo do Resultado do Exercício deixa de ser um relatório que mede o desempenho da empresa, e se torna uma ferramenta estratégica de gestão extremamente estratégica. Neste post, vamos explicar a importância desse relatório para os seus negócios.

O que é o DRE Projetado?

Enquanto o DRE tradicional apresenta o resultado obtido no período analisado, com dados vindos do fluxo de caixa, no DRE projetado as informações vêm do orçamento da empresa, utilizando-se de números como a projeção das vendas, as deduções realizadas, os gastos operacionais e outras despesas.

Isso permite realizar uma simulação de resultados esperados para o futuro, pois, ao comparar despesas, receitas e custos, o gestor consegue saber se determinado objetivo é viável para o prazo disponível. Ou seja, esse demonstrativo consegue apontar a porcentagem de lucro a empresa terá se conseguir colocar em prática o que foi planejado.

Como o DRE projetado ajuda a sua empresa

O DRE projetado permite ao gestor fazer uma projeção de resultados para poder trabalhar com um cenário mais previsível e se planejar de maneira mais eficiente e precisa. Quando bem feito, esse relatório traz inúmeros benefícios.

Ele é considerado um dos demonstrativos mais significativos para o planejamento financeiro, já que mostra a disponibilidade de recursos para fazer investimentos, quitar despesas ou fazer uma reserva de segurança. Também permite fazer provisionamentos de valores, analisar se determinado investimento é ou não viável para a realidade da empresa, e indicar qual é influência dos impostos e outros custos sobre o resultado obtido.

Além disso, essa demonstração ajuda o gestor a antecipar como será o desempenho da empresa em cenários distintos. Assim, ele poderá se preparar melhor e tomar decisões muito mais assertivas com base nos dados. 

Um passo a passo para elaborar esse importante relatório

Realize uma análise de desempenho 

Não é possível fazer uma projeção de resultados sem conhecer o desempenho da empresa. Por isso, antes de mais nada, é preciso ter em mãos um amplo diagnóstico de performance do negócio ao longo dos últimos anos. Essa análise de longo prazo ajuda a evitar distorções.

Além de coletar os dados e coletar as médias obtidas para chegar ao desempenho histórico da empresa, é necessário avaliar como os resultados evoluíram a cada ano, buscando perceber se a performance aumentar e quais fatores foram determinantes para isso. 

Estude as perspectivas econômicas

É preciso também analisar as perspectivas econômicas e as perspectivas do mercado em que a empresa está inserida, porque isso não só causa impacto nos resultados como também pode ajudar a identificar possíveis oportunidades.

Essa análise também deve incluir as projeções relacionadas ao cenário econômico, ao mercado consumidor e aos custos envolvidos, já que todos esses fatores têm influência no desempenho. 

Defina o período a ser acompanhado

É importante determinar que período deve ser considerado para as projeções. Isso deve ser feito conforme as necessidades da empresa mas, em geral, indica-se realizar uma previsão para o ano inteiro e também projetar mês a mês. Procedendo dessa maneira, o gestor consegue descobrir se as projeções mensais estão se confirmando, e fazer ajustes pontuais. 

Revise as estratégias e metas para o negócio

Além de conferir mais previsibilidade à gestão financeira, o DRE projetado deve ser uma ferramenta voltada para a elaboração de estratégias visando ao alcance das metas. É importante analisar se as metas traçadas são compatíveis com as perspectivas internas e externas do seu negócio, algo que pode ser feito mediante a avaliação feita nos passos anteriores. 

Elabore o DRE projetado e compare resultados

Munido de todo esse diagnóstico, o gestor já tem tudo o que precisa para fazer as projeções. Para isso, é necessário utilizar os dados já disponíveis, como taxas a serem pagas, impostos, projeções de vendas, e por aí vai. 

Não se esqueça de comparar a projeção com o resultado atingido, para saber se as estimativas se concretizaram e se a empresa está no caminho certo. Caso o retorno não tenha sido o esperado, avalie que fatores impactaram negativamente o desempenho. 

Como você pode perceber, o DRE Projetado pode ser de grande utilidade para otimizar a gestão financeira do seu negócio, já que consegue antecipar as medidas que podem ser tomadas para solucionar problemas e aumentar a rentabilidade.

Não se esqueça de que, se você precisar de ajuda com a elaboração de relatórios e com a gestão financeira da empresa, pode contar com o Myfinance! Visite nosso site e conheça todas as funcionalidades da ferramenta!

Nexaas Soluções