Saiba o momento certo de contratar empréstimo empresarial

10 de outubro de 2017, às 17:05

Imagine o seguinte cenário: a sua equipe está mais produtiva do que nunca, os seus clientes cada vez mais satisfeitos e você sente que está no ápice da carreira. Porém, mesmo com todo esse rendimento, falta verba para expandir os seus  negócios.

Não faz sentido que a sua empresa deixe de crescer por falta de dinheiro, não é mesmo? É nessa hora que você pode buscar um empréstimo empresarial.

No post de hoje vamos compartilhar tudo o que você precisa saber para obter crédito e fazer com que a sua empresa aumente as oportunidades. Confira!

Como funciona um empréstimo empresarial?

Ao contrário do que muita gente pode pensar, buscar um empréstimo empresarial nem sempre é ruim ou desvantajoso para a empresa. Em situações em que o negócio tem chances claras de crescimento, um empréstimo é, na verdade, uma atitude acertada. 

Um empréstimo empresarial nada mais é que um contrato entre uma instituição financeira e a sua empresa. Nele, o crédito fornecido pelo banco não precisa ter destinação específica. Ou seja, você pode aplicar esse dinheiro onde o seu negócio mais necessitar. 

Qual a melhor hora de pedir um empréstimo?

Não adianta sair pedindo dinheiro por aí sem antes ter um bom planejamento. Afinal, o objetivo desse crédito é fazer a sua empresa ampliar as oportunidades, e não acabar se afundando em dívidas por falta de preparação. 

Para não trocar os pés pelas mãos, acompanhe um passo a passo que vai ajudar você a tomar as melhores decisões:

Tenha um bom plano de negócios

Primeiramente, você deve saber de quanto precisa e onde vai investir a verba. Pode ser para aumento da estrutura física da empresa, compra de novas máquinas e equipamentos, aquisição de matéria-prima etc. 

A partir disso, você deve criar um plano de ação, detalhando o caminho a ser executado quando tiver o dinheiro em mãos.

Nesse plano, também inclua se é mais viável fazer o empréstimo a longo ou curto prazo, a situação financeira da companhia, onde os recursos serão alocados e, principalmente, como a empresa vai obter lucros para liquidar a dívida. Estude esse plano de negócios minuciosamente para que a situação não fuja do seu controle. 

Pesquise a melhor instituição financeira

Com o plano de negócios feito, é hora de avaliar juros, taxas administrativas e condições das diferentes instituições financeiras.

Cada banco tem as suas exigências, limites, prazos e restrições. Por isso, você precisa encontrar a instituição que ofereça as melhores condições de acordo com o objetivo do seu empréstimo.

Avalie os fatores de restrição

Eles são os possíveis empecilhos para a contratação do crédito. Podem ser fatores como a situação legal do negócio, oferecimento de garantias, valor mínimo de capital próprio, entre outros. 

Pesquise quais instituições financeiras aplicam esses impeditivos e veja qual delas oferece a melhor proposta para a sua empresa. 

Quais as vantagens e desvantagens de buscar crédito empresarial?

Desvantagens

A contratação de crédito acaba gerando uma dívida para a empresa e pode gerar um risco de o negócio não conseguir pagar as contas. Caso a empresa não pague essas dívidas, pode acabar solicitando mais empréstimos ou até mesmo ir à falência. 

Por isso, todo e qualquer empréstimo deve ser feito com base em um planejamento financeiro do negócio e em uma boa avaliação do mercado. 

Vantagens

O primeiro grande benefício do empréstimo empresarial é a dedução das despesas com juros para fins de imposto de renda

Outro benefício é que esse dinheiro pode servir como vantagem competitiva no mercado, principalmente se a sua empresa tem boa saúde financeira. 

Agora que você já sabe como funciona e como planejar um empréstimo empresarial, pode avaliar se essa é mesmo a melhor opção para fazer a sua empresa crescer. De qualquer forma, lembre-se sempre de tratar qualquer contratação de crédito com responsabilidade, certo? 

Siga-nos no Facebook e acompanhe ainda mais conteúdos de valor como este!

Curtiu esse conteúdo?

Compartilhe nas redes sociais. ;)

E assine nossa newsletter para receber muito mais conteúdo direto no seu e-mail.