Migração do ERP para a nuvem – Por que fazer e como fazer

9 de abril de 2018, às 15:04

Migrar os sistemas para a nuvem em busca de mobilidade e segurança tem sido uma tendência tecnológica nos últimos anos, e os ERPs não fogem a essa regra. Nesse post, vamos contar quais são as vantagens e desafios envolvidos nessa migração, e explicar como executá-la com maestria.

Principais vantagens de migrar um ERP para a nuvem

Os softwares de gestão empresarial, popularmente conhecidos como ERPs, prometem reduzir custos operacionais e melhorar a produtividade das empresas que os adotam. Uma das principais tendências nessa área, hoje, tem sido a adoção de um ERP que opere na nuvem, 100% online, sem necessidade de instalação de programas, nem de gastos com atualizações e manutenções. De fato, a migração de dados para uma plataforma online é segura e traz inúmeras vantagens.

Um dos principais benefícios de se adotar um ERP que opera na nuvem é, sem dúvida, o fato de que há muito menos custos envolvidos, já que a necessidade de vultosos investimentos em infraestrutura, espaço físico e mão-de-obra é eliminada.  Isso é possível porque tanto a atualização como a manutenção são realizadas automaticamente pelos desenvolvedores da plataforma, sem necessidade de manter uma equipe dedicada a isso.

Além disso, é mais seguro, ágil e prático apostar nos ERPs online. As empresas que desenvolvem softwares operantes na nuvem os hospedam em plataformas sujeitas a protocolos de segurança fortíssimos e investem em atualizações periódicas para evitar invasões e fraudes, o que garante ainda mais a proteção dos dados. Todos os serviços e informações podem ser acessados de qualquer dispositivo, 24 horas por dia, e isso torna o processo muito mais ágil e produtivo.

Outra vantagem que pode ser apontada é que adotar um ERP na nuvem proporciona maior escalabilidade e flexibilidade, porque os softwares modernos podem ser implantados em módulos, de acordo com a necessidade e o objetivo da empresa. A integração com outros sistemas, nesse caso, é fácil e simplifica muito a vida do gestor. 

Dificuldades e desafios enfrentados pelos setores de TI na hora da migração

Apesar de todas as vantagens envolvidas, pode haver certa resistência em migrar todas as informações de uma empresa para a nuvem. De fato, migrar todo um sistema é uma tarefa delicada, que precisa ser feita com seriedade e planejamento.

Se tudo não for feito com cuidado e atenção, podem ocorrer problemas, como, por exemplo, os sistemas não serem implantados na data combinada, serem implantados parcialmente e, por isso, o sistema legado ser obrigado a conviver com o sistema novo, ou mesmo faltar espaço e as áreas de disco estourarem, por puro deslize de planejamento. 

Alguns pontos a serem observados pelo setor de TI para evitar falhas na migração são os seguintes:

– Contar com uma equipe focada apenas na migração;

– Ter um documento de abordagem da migração, onde se deixa claro o que se vai migrar e sua periodicidade;

– Aprovar absolutamente todas as regras de negócio com as áreas envolvidas, não só com a  área de TI;

– Realizar ajustes periódicos, tanto nas regras quanto no saneamento dos dados;

– Levantar o volume total dos dados que serão migrados para estimar o espaço necessário;

– Escolher um data center que conte com um padrão de certificação, condições de infraestrutura, garantia de performance e flexibilidade para crescimento.

– Atentar para quais serviços que estão incluídos na migração e suas respectivas responsabilidades;

– Verificar quais licenciamentos estão incluídos e se os valores são pré-definidos em moeda local ou estrangeira.

– Por fim, um dos cuidados mais importantes a se ter na hora de migrar é garantir que haja backup de todos os dados, e que haja uma regra de disponibilidade, com políticas bem estruturadas.

Como realizar uma migração segura e suave com o auxílio da Nexaas

Contar com empresas especializadas para realizar a migração com segurança é imprescindível para alcançar bons resultados. A Nexaas é o sistema ERP na nuvem mais robusto e completo do mercado, e está preparada para atender a empresas de todos os tamanhos e objetivos. Contamos com algumas inovações e diferenciais, como, por exemplo, a possibilidade de integração via API com todos os grandes ERPs de mercado, o que permite uma migração muito suave e descomplicada.

Como os módulos oferecidos são totalmente independentes, é possível realizar uma migração em partes, de acordo com a demanda da empresa. Isso garante maior mobilidade e facilidade, além de reduzir custos, já que a empresa pode escolher os serviços e funcionalidades que atendem suas necessidades e deixar de lado aqueles que, no momento, não seriam necessários.

Com o sistema ERP na nuvem, o gestor consegue analisar os dados da empresa em tempo real e, a partir disso, otimizar ainda mais sua gestão. Quer saber como a Nexaas pode te ajudar nisso? Visite o nosso site e conheça nossas soluções.

Curtiu esse conteúdo?

Compartilhe nas redes sociais. ;)

E assine nossa newsletter para receber muito mais conteúdo direto no seu e-mail.