Entenda o que mudou na nova versão da NF 4.0

9 de outubro de 2017, às 16:57

Você sabe o que é a NF 4.0? Esse modelo inovador veio substituir a nota fiscal eletrônica atual, que só terá validade até abril de 2018. Dessa forma, é interessante que você, empreendedor, saiba mais a respeito desse assunto.

O novo modelo da nota fiscal eletrônica traz algumas mudanças que podem ser importantes para otimizar a produção do seu negócio.

Quer saber mais sobre a NF4.0 e descobrir o que muda? Então, esse artigo foi produzido pensando em você. Confira!

O que é a NF 4.0?

Trata-se da nova versão da nota fiscal eletrônica, um layout inovador que foi desenvolvido a partir das especificações do Encontro Nacional dos Coordenadores e Administradores Tributários Estaduais (ENCAT). Dessa forma, a NF 4.0, traz mudanças como novos campos a serem preenchidos e categorias das informações.

O processo de homologação se inicia no mês de junho. Portanto, a partir do mês seguinte as notas fiscais já poderão ser emitidas no formato atualizado e a desativação do modelo anterior ocorrerá no mês de novembro.

Quais são as mudanças na versão da nota fiscal 4.0?

Se você, empreendedor, deseja permanecer em dia com a Secretaria Estadual da Fazenda (SEFAZ), é interessante ficar atento às mudanças trazidas pela criação da versão da NF 4.0. Confira algumas delas:

Campo indicador de presença

Na nova versão da nota fiscal eletrônica, foi adicionado o campo indicador de presença. Ele pode ser preenchido como a opção 5, que servirá para registrar transações comerciais fora do estabelecimento ou em vendas ambulantes.

Rastreabilidade dos produtos

A sua finalidade é gerar informações que permitam o rastreamento de produtos que necessitam de regularização da vigilância sanitária e da defensoria agrícolas. Além disso, ela proporciona ao cliente conhecimento sobre a numeração do lote de quaisquer produtos.

Fundo de combate à pobreza

O novo layout traz o campo relativo ao fundo de combate à pobreza (FCP). Parte desse recurso financeiro se origina da cobrança do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

Formas de pagamento

Com a implementação do novo layout, esse campo passa a fazer parte do grupo de informações de pagamentos. Desse modo, é possível preencher o valor de troco sobre cada transação comercial.

Novas modalidades de frete

O grupo X das informações dos transportes de notas fiscais eletrônicas adotou 2 novos métodos de fretes: transporte próprio por conta do remetente e transporte próprio por conta do destinatário.

Medicamento

Por meio do grupo específico de medicamento, foi adicionado um campo em que se deve informar o código da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) relativo àquele produto.

Maior segurança

Entre todas as novidades, essa é a mais vantajosa. A adoção do protocolo TSL1.2 garante maior segurança aos processos, o que não acontecia em razão da vulnerabilidade do antigo protocolo SSL.

Quem deve fazer as mudanças para se adequar à nova nota fiscal eletrônica?

Você não precisa se preocupar com as diversas mudanças na NF 4.0, pois as empresas especializadas em sistemas de emissões de notas fiscais vão se atualizar conforme as exigências da SEFAZ.

Se você não conta com nenhum sistema especializado em emissão de notas fiscais, é importante que adquira o seu. Lembre-se de que o prazo para desativação da nota fiscal 3.10 está próximo; não corra o risco de ser pego desprevenido.

Agora que você já sabe mais a respeito da NF 4.0, é importante que sua empresa se adeque às mudanças. Dessa forma, você garante que os processos rotineiros com as emissões das notas fiscais estejam legais, assim como que a responsabilidade fiscal de seu negócio esteja em dia.

Gostou do conteúdo? O que acha receber informações como essa diariamente? É simples, basta curtir a nossa página no Facebook!

Curtiu esse conteúdo?

Compartilhe nas redes sociais. ;)

E assine nossa newsletter para receber muito mais conteúdo direto no seu e-mail.