Como a embalagem pode interferir nas vendas do ecommerce

30/10/18
5 min de leitura

A embalagem utilizada para acomodar as mercadorias compradas na loja é um fator importantíssimo para um e-commerce, afinal, além de proteger o produto até sua chegada à casa do cliente, ela também pode servir para melhorar a experiência de compra e fidelizar o cliente, conectando-o à marca. No Brasil, um equívoco comum é as empresas não darem a importância devida para as embalagens, desperdiçando uma ótima oportunidade de manter um canal direto com os consumidores.

Neste post, vamos falar sobre os diferentes tipos de embalagens utilizadas no e-commerce, explicar como imprimir a identidade da marca nas embalagens e mostrar como elas podem ser decisivas para aumentar as vendas!

Tipos de embalagem para e-commerce

Segundo a Associação Brasileira de Embalagem (Abre), existem três tipos de embalagens a serem utilizadas no comércio eletrônico: as embalagens primárias, que mantêm contato direto com o produto, as embalagens secundárias, que protegem uma ou mais embalagens primárias, e as embalagens terciárias: que protegem as primárias e secundárias. 

Dependendo do tipo de mercadoria comercializada, será preciso levar em conta os diferentes materiais com que as embalagens podem ser produzidas. Aqui, cabe o bom senso e o cumprimento da legislação. Por exemplo, produtos mais frágeis precisam ser embalados de modo que fiquem completamente protegidos contra quebra. Já produtos mais resistentes podem ser acomodados em uma caixa comum. Livros podem ser embalados em um envelope com revestimento interno de plástico bolha. Em geral, as embalagens mais usadas no e-commerce são feitas de materiais como papel ou papelão, plástico, isopor, laminados ou cartonados. 

O marketing e as embalagens

Se, antes, as embalagens só serviam para a proteção das encomendas, hoje elas funcionam também como mídia. Por isso, cada vez mais marcas optam por imprimir sua identidade nas caixas, envelopes e papéis utilizados para embalar as compras dos clientes e, assim, ser lembradas e ganhar mais competitividade. 

A experiência do consumidor com o produto é essencial para sua fidelidade, e quanto mais prazerosa ela for, maior será a satisfação! Pensando nisso, a embalagem pode ser utilizada para melhorar a experiência. Afinal, não adianta nada oferecer produtos de qualidade se a embalagem for inadequada e trouxer prejuízos, seja rasgando ao abrir, espalhando e desperdiçando o produto ou outros transtornos. 

A embalagem também pode ser uma ferramenta para agregar valor ao produto, possibilitando à marca apresentar sua cultura e seu conceito, e construir uma imagem de exclusividade, uma vez que embalagens bonitas, personalizadas e impactantes tendem a encantar o consumidor e estimular a compra

Hoje já existe uma tendência entre os consumidores e influenciadores digitais de fazer vídeos de unboxing no YouTube, ou seja, mostrar em tempo real o processo de abertura de um produto comprado online. Esse tipo de vídeo é muito assistido, e o capricho das embalagens é sempre um fator muito comentado tanto por quem grava quanto para os espectadores. Quem não conhece a empresa, ao ver um vídeo como esse, já tem uma ótima primeira impressão! 

E não pense que isso só se aplica a lojas online de luxo. Na realidade, qualquer segmento pode se beneficiar muito de uma embalagem de bom gosto, criativa e customizada. Esse tipo de cuidado agrega valor ao produto e ajuda a transmitir o conceito da empresa. Por isso, o ideal é que o design da embalagem esteja alinhado com os valores e com a cultura da loja

Dicas para usar a embalagem dos produtos a seu favor

Faça embalagens personalizadas

É fortemente aconselhável que as embalagens de sua loja online sejam customizadas. Vale utilizar as cores da marca na embalagem, imprimir o logotipo na caixa ou envelope utilizados, produzir um papel estampado com a sua identidade visual para embalar o produto… a criatividade é quem manda! O importante é que a embalagem de seu e-commerce já funcione como um diferencial, ajudando a chamar a atenção para a sua loja. 

Vale ressaltar que, para e-commerces de moda e beleza, o capricho é fundamental. Por isso, aposte em papéis de seda para ajudar a proteger a peça e dar um acabamento mais bonito, e tome muito cuidado com a dobra do produto, para evitar que chegue amassado ou danificado. 

Conheça seu mix de produtos

Para escolher o formato e o material das embalagens utilizadas em seu e-commerce, é fundamental compreender muito bem todas as características do seu mix de produtos e saber quais mercadorias são mais frágeis e quais são mais resistentes à quedas ou batidas.  

Também é importante saber a quantidade média de produtos por vez que um cliente adquire, para calcular o tamanho correto das embalagens, Em geral, costuma-se trabalhar com caixas de tamanhos diferentes, que variam de acordo com o volume da compra.  

Vale lembrar que, no que se refere a embalagens, menos costuma ser mais. Evite trabalhar com embalagens muito grandes, afinal, o peso e o tamanho afetam os custos de envio.

Entender bem os produtos que você vende e qual é o volume médio das vendas facilita muito a logística e permite que se invista nas embalagens mais adequadas. 

Imprima etiquetas com o número do pedido e o endereço do cliente

Para facilitar o processo e conferir mais credibilidade à loja, o ideal é imprimir a ordem do pedido em etiquetas que, posteriormente, serão coladas nas caixas ou envelopes. Se você tiver convênio com os Correios ou com transportadoras, também é possível imprimir etiquetas que já tenham o número de rastreio do pedido e o logotipo do e-commerce. 

Além disso, é claro, você não pode esquecer de agregar a nota fiscal. Ela deve vir afixada do lado de fora da embalagem, para que o cliente consiga visualizar antes de abrir o pacote. 

 

Como você pode perceber, muito mais do que garantir a integridade do produto até chegar à casa do cliente, a embalagem também pode funcionar como um canal de marketing. Por isso, capriche nesse detalhe para ter resultados ainda melhores!